quinta-feira, 16 de julho de 2015

Sua memória está falhando?
Apesar de ter sido alvo de estudos de Aristóteles, inúmeros filósofos e cientistas, a memória ainda continua sendo um mistério para muitas pessoas. Neste artigo, alguns dos segredos da memória são finalmente revelados

Uma das funções mais importantes da sua mente é a memória. Sem ela, você está perdido!
E como anda sua memória? Poderia melhorar? De vez em quando sua memória o decepciona? Ou será que você é do tipo que só não esquece a cabeça porque está presa no pescoço?
Talvez a sua memória era boa no passado. Mas nos últimos anos ela começou a falhar e você está preocupado que poderia piorar e até virar uma doença?
A memória é, de fato, muito importante. Alguns esquecimentos podem trazer grandes dificuldades. Esquecer-se de um compromisso profissional, uma reunião importante, ou até de pagar uma conta de cartão de crédito no dia de vencimento, por exemplo, pode causar muito prejuízo.
Antes de iniciarmos nossa análise sobre a memória, é preciso esclarecer uma coisa: o que é a memória?
A memória é processo de retenção de informações no qual nossas experiências são arquivadas e recuperadas quando as chamamos. É uma função mental que serve para manter as informações obtidas em experiências vividas.
O termo memória tem sua origem no latim e significa a capacidade de reter e /ou readquirir ideias, imagens, expressões e conhecimentos adquiridos anteriormente, retornando às lembranças.
A memória é uma habilidade extremamente importante porque ela forma a base para a aprendizagem. Se não houvesse uma forma de armazenamento mental de experiências do passado, não teríamos como tirar proveito destas experiências.
Assim, a memória é um mecanismo que abrange o arquivo e a recuperação de experiências, estando intimamente associada à aprendizagem, que é a habilidade de mudarmos o nosso comportamento através das experiências que foram armazenadas na memória.
Portanto, a aprendizagem é a aquisição de novos conhecimentos e a memória é a retenção daqueles conhecimentos aprendidos.
Uma boa memória nos ajuda muito a usar posteriormente o que aprendemos. E, portanto, melhorar a memória vai ajudá-lo a melhorar sua capacidade de aprender.
Desde a época de Aristóteles, muitas pessoas acreditavam que a memória era armazenada no cérebro. Hoje em dia, apesar de ninguém nunca ter encontrado nenhuma memória no cérebro, muitos ainda continuam afirmando que o cérebro tem esta função.
Bem, isso não importa, o que queremos é algo funcional que possa realmente ajudá-lo a melhorar sua memória.
Para entender bem sobre a memória você precisa entender como sua mente funciona.
O escritor e filósofo americano L. Ron Hubbard desvendou os mistérios da memória com a publicação de seu livro Dianética: O Poder da Mente sobre o Corpo em 1950. Ele escreveu: “A extensão, capacidade de armazenamento e de lembrança da memória são finalmente estabelecidas pela Dianética.” – L. Ron Hubbard
A memória é como uma fita de cinema, um filme, onde todas nossas experiências estão gravadas para sempre. Lembrar é como assistir a uma fita de vídeo, um DVD, blu-ray, um filme do seu passado.
Alguns livros populares de treinamento de memória afirmam que não existe memória fraca. Eu concordo, existem apenas memórias treinadas ou destreinadas.
A maioria das queixas de perda de memória não tem relação com doenças e pode ser causada por estresse, cansaço, depressão, ansiedade ou pela pouca utilização da memória.
Além disso, drogas de rua, psicotrópicos e até o álcool envenenam seu corpo, embaçam sua mente e acabam com a sua memória.
A memória também pode começar a falhar quando o ser humano atinge certa idade, mas, geralmente, isso acontece quando ela não é estimulada, ou seja, quando a pessoa não é socialmente ativa e não mantém o hábito da leitura e de outras atividades intelectuais.
Há quem diga que a memória melhora sempre que exercitada. Realmente, os especialistas confirmam que a memória funciona cada vez melhor se for treinada.
Existe uma técnica específica e autoaplicável para treinar e melhorar a memória que é a autoanálise.
Esta técnica é uma verdadeira ginástica mental natural e é o que você precisa para começar a melhorar sua memória imediatamente. Vale a pena conferir!

Ela está contida no livro Autoanálise e você pode aprendê-la facilmente e aplicá-la em si mesmo! Mais informações aqui